29/05/2014

Monster




Monster é uma série de mangá criada pelo GÊNIO Naoki Urasawa. A história foi fielmente adaptada para anime em 74 episódios.


Conhecido autor de mangás seinen (destinados ao público adulto masculino), o autor explora o gênero policial da série com drama e bastante suspense. A história consegue passar ao expectador um incômodo, às vezes até assombro, mesmo sem conter nenhum elemento sobrenatural. Referências bíblicas, no entanto, são recorrentes.


O enredo é deveras perspicaz pra ter saído da cabeça de alguém normal. O dr. Kenzo é um cirurgião japonês renomado que trabalha num hospital alemão. Sua carreira no local é comandada pelo diretor do hospital, que é seu sogro, cujo qual considera Kenzo o melhor neurocirurgião de sua equipe.


Certo dia, Kenzo é chamado para salvar a vida de uma importante personalidade que traria renome ao hospital. O doutor opera o homem, deixando de tratar um operário que estava encaminhado para fazer cirurgia com ele, e por isso o trabalhador morre. Abordado pela mulher do falecido, Kenzo fica chocado com a sua falta de ética médica.

Numa outra situação, Kenzo está se preparando para salvar a vida de uma criança com uma bala cravada numa artéria do encéfalo e que, se operada por qualquer outro médico com menos perícia, certamente viria a óbito. No momento da cirurgia, no entanto, o diretor do hospital requisita que Kenzo abandone o paciente e salve a vida de outro famoso que estava à vias de ser operado. Abalado com a situação do operário, Kenzo ignora o pedido do diretor e salva a vida do garoto.

Desde então a cúpula do hospital decide rebaixar as láureas de Kenzo e dirimem seus prestígios por ter negado uma ordem direta do diretor. Ele se vê depressivo por uma baixa na sua carreira, mas não se arrepende do seu feito.


O primeiro PLOT TWIST acontece quando todas as pessoas que prejudicaram a vida de Kenzo depois desse incidente morrem tempos depois misteriosamente, e ele volta a ser o neurocirurgião prestigiado de outrora. Kenzo descobre que o autor dos assassinatos foi o próprio garoto que ele tinha salvo, Johan, que tinha crescido e se convertido num sociopata.

Abalado pela culpa, Kenzo larga o emprego e decide perseguir Johan, antes que esse faça mais vítimas e que pessoas morram por causa do médico que salvou o psicopata.

A partir daí são capítulos e mais capítulos de exploração da mente dos personagens, dramas individuais, corridas contra o tempo e, não podendo faltar, um final controverso.

● Download do anime completo (Legendado - PtBr)
● Leitor online do mangá (Inglês)



Como impedir o monstro que você mesmo criou?

http://medob.blogspot.com.br/

Leia Mais

25/05/2014

Família Rothschild estaria por trás do desaparecimento do Malaysia MH370



Desde 8 de março continua sem respostas o desaparecimento do vôo MH370, da Malaysia Airlines. Teria sido sequestro? Atentado terrorista? Acidente militar? Estas são algumas das teorias que surgiram nesse período.

Mas, a partir da divulgação da relação de passageiros, surgem outras teorias que colocam os interesses da família Rothschild no centro das causas do desaparecimento do avião.

A família Rothschild

Primeiramente, uma breve explicação sobre a família Rothschild. É uma família judia, com origem em Hamburgo, Alemanha, que estabeleceu uma dinastia bancária na Europa.

Prosperou no fim do século XVIII, e chegou a ultrapassar as mais poderosas famílias bancárias rivais da época, como a Família Baring e a Família Berenberg.

Acredita-se que quando a família estava no seu auge, no século XIX, possuía a maior fortuna privada no mundo — assim como a mais larga fortuna da Idade Moderna. Acredita-se que a fortuna subsequentemente diminuiu, pois foi dividida entre centenas de descendentes. Hoje, os negócios da família Rothschild estão numa escala muito menor que no século XIX, embora estejam envolvidos em diversos campos, incluindo: mineração, bancos, energia, agricultura mista, vinho e instituições de caridade.



Os Rothschild participaram dos negócios mais dinâmicos durante a Revolução Industrial, em especial a indústria têxtil, que florescia. As tecelagens mecanizadas da Inglaterra produziam tecidos de qualidade em grande quantidade.

Passaram a negociar também essa mercadoria. O comércio do algodão oriundo da América do Norte para as tecelagens na Grã-Bretanha permitiu que a Casa Rothschild criasse vínculos através do Atlântico, com a florescente economia estadunidense.

Diz-se que fizeram boa parte de sua fortuna no fim das guerras napoleónicas, quando tiveram conhecimento antecipado da vitória da Inglaterra e lançaram um rumor no mercado que Napoleão havia ganho a guerra. Com isto a bolsa caiu quase a zero, e os Rothschild praticamente compraram a economia inteira da Inglaterra. Quando foi dada a verdadeira notícia – a de que a Inglaterra havia vencido a guerra – os Rothschild emergiram como a família mais rica da Europa.

Chips RFID

Peraí, o que chips RFID tem a ver com essa história? Aparentemente, nada, mas vamos explicar e você já vai entender. O governos dos Estados Unidos anunciou um plano que pretende implantar, em cada cidadão estadunidense, um chip subcutâneo.

Você não acredita? Acha que é paranóia, um boato que circula na rede? Veja então o próprio Obama anunciando esse plano:




Bom, alguém fornecerá esses chips para milhões de pessoas, correto? Sim, e neste caso, a empresa fornecedora será a Freescale Semiconductor.


Rotschild agora é o detentor da patente do chip

Quatro dias após o desaparecimento do vôo MH370, faltava uma patente ser aprovada. Dos quatro titulares das patentes envolvidas na tecnologia do chip, cinco são funcionários chineses da Freescale Semiconductor.

As patentes são divididas em incrementos de 20% para 5 titulares: Peidong Wang, Suzhou, China, (20%) Zhijun Chen, Suzhou, China, (20%) Zhihong Cheng, Suzhou, China, (20%) Li Ying, Suzhou, China, (20%) e 20% da Freescale Semiconductor.Se um detentor da patente morre, em seguida, os titulares restantes dividem igualmente os dividendos do falecido se não houver disputa em um testamento. Se 4 dos 5 morrem, então o titular da patente sobrevivente recebe, obviamente, o restante, ficando com 100% da riqueza da patente.

O titular vivo da patente restante é a Freescale Semiconductor. Quem é o dono da Freescale Semiconductor? Jacob Rothschild, através da Blackstone Inc que controla a Freescale. Este é o motivo para o avião “desaparecer” indo à Pequim.

Como todos os 4 membros chineses da patente eram passageiros do avião desaparecido, o detentor da patente pode alterar o produto legalmente, passando a riqueza para seus herdeiros. No entanto, ele não pode fazê-lo até que a patente seja aprovada. Quando o avião desapareceu, a patente não havia sido aprovada. Mas agora já foi. Portanto, os Rothschilds receberão 100% da patente, uma vez os outros detentores provavelmente deverão ser declarados mortos.

Conspiração? Veja a informação no próprio site da Blackstone:



Bush e Rothschild

A teoria da conspiração parece ficar cada vez “viajante”, mas a questão é que são fatos! O consórcio que adquiriu a detentora das patentes dos chips, além da Blackstone, é formado por outras empresas, entre elas The Carlyle Group.

George W. Bush, o pai, e James Baker III, que foi secretário de Estado de Reagan e Bush, fazem ou fizeram parte do staff do Grupo Carlyle! Também o ex-primeiro ministro britânico, John Major!

Muito tenso tudo isso, não acham? Ah, a patente foi aprovada no dia 11 de março, 3 dias após o “desaparecimento” do avião. Veja abaixo a imagem e o link para ela.



Será tudo mera coincidência? Analise os fatos e forme sua opinião. Eu confesso que é uma história muito assustadora, mas várias coisas fazem sentido.

http://nerdices.com.br/
Leia Mais

18/05/2014

Ordem de Queroneia


Ordem de Queroneia foi uma sociedade secreta para o desenvolvimento de um ethos moral, ético, cultural e espiritual homossexual. Foi fundada por George Cecil Ives em 1897, como resultado da sua conclusão que a "Causa" (termo com que Ives designava a sua luta pelo fim da opressão dos homossexuais) não seria aceite abertamente na sociedade e teria, por isso, que dispor de uma forma de comunicação secreta. O nome da sociedade fazia referência ao local da batalha em que oBatalhão Sagrado de Tebas, constituído por 150 casais de guerreiros tebanos homossexuais, foi definitivamente aniquilado em 338 AC.

Natureza da Organização



A Ordem, de acordo com os livros de notas de Ives, tinha um objectivo, filosofia e recomendações específicas e distintas, e o seu simbolismo particular. Os prerequesitos para admissão seria "Zelo, Aprendizagem e Disciplina". O secretismo em que se baseava era descito pela metáfora da "Corrente", sublinhando que nunca se poderia revelar qualquer informação sobre a Ordem ou sobre os seus membros.

Nas palavras de Ives: "Acreditamos na glória da paixão. Acreditamos na inspiração da emoção. Acreditamos no carácter sagrado do amor. Alguns, no mundo exterior, questionam-se sobre a nossa fé; julgamos não ter uma resposta simples para eles. Haverá irónicos, aos quais não precisamos retorquir, e tolos, para quem as nossas palavras não significam nada. Pois que são as palavras? Símbolos de concepções partilhadas num grupo, e naturalmente gostamos daquilo que conhecemos."
Os membros da sociedade utilizavam um elaborado sistema de rituais, cerimónias, iniciação ao rito, selos, códigos e palavras senha. Ives e os outros membros da sociedade, por exemplo, datavam as suas cartas e outros materiais com base no ano da Batalha de Queroneia, de tal forma que 1899 seria escrito como C2237. Ives refere-se, nos seus escritos, a Walt Whitman como "O Profeta", e usou versos de Whitman nos rituais e cerimónias da Ordem.




A Sociedade Secreta acabou por se expandir para o estrangeiro, e Ives não desperdiçou nenhuma oportunidade de divulgar informação sobre a "Causa". Entre os seus membros contavam-se Charles Kains Jackson, Samuel Elsworth Cottam, Montague Summers, Laurence Housman, John Gambril Nicholson e Oscar Wilde. Suspeita-se que Charles Robert Ashbee fosse membro.

Dada como extinta há muitos anos, no final da década de 1990 assistiu-se a uma tentativa de reconstruir a Ordem de Queroneia com base na doutrina, governação e rituais da Maçonaria. O Reverendo Sotemohk A. Beeyayelel, bispo da Moorish Orthodox Church de New Jersey, foi nomeado Grande Mestre de Grande Loja da Ordem Militar Soberana de Queroneia, que ainda tem membros nos Estados Unidos, Reino Unido, França, na Guiné Equatorial e na África do Sul.

A Nova Ordem de Queroneia

A Nova Ordem de Queroneia pretende ser o ressurgir de uma sociedade fraternal entre homossexuais masculinos, de auto-ajuda, trocas de conhecimentos e de experiências. 

Inspirada pelos antigos ensinamentos herméticos, oferece a seus membros pequenos textos semanais, que chamamos "opúsculos" sobre diferentes temas. Promove-se também trabalhos escritos, que chamamos "prédicas".


A evolução dentro do círculo interno da Ordem, dá-se através de 3 graus tradicionais.




Para maiores informações: http://anoq.blogspot.pt/
Leia Mais

12/05/2014

O Assassinato de Elizabeth Olten


Como a grande maioria das crianças de nove anos de idade Elizabeth Olten gostava de sair de casa a tarde para brincar pela vizinhança e às vezes até mesmo se aventurar no pequeno bosque que havia perto de sua casa, porém um dia ela entrou nessa mata para jamais voltar…


Bem próximo à casa de Elizabeth, vivia Alyssa Bustamante uma adolescentes de 15 anos, que como todos os outros, tinha seus problemas e desilusões, mas nada que fosse anormal. Contudo naquele fim de tarde do dia 21 de outubro de 2009 ela mostraria um lado que ninguém jamais imaginou que ela tivesse.
Era uma tarde normal com o sol brilhando naquele fim de ano, por isso Elizabeth foi para a ruaAlyssa_Bustamante_-_11 brincar, quando Alyssa a chamou para irem ao bosque, algo aparentemente normal. Quando as duas já estavam em um lugar distante das casas, onde ninguém poderia vê-las, a menina mais velha virou e pegou a outra pelo pescoço, mas não para brincar, e sim para matar.

Alyssa apertou o pescoço da pequena Elizabeth com toda sua força, até que com os lábios roxos e totalmente sem força ela desmaiou. Rapidamente Alyssa tirou de sua calça uma faca afiada e com sua presa imóvel, passou seu instrumento de morte pelo pescoço da pequena garota inerte no chão, abrindo sua garganta de uma orelha a outra, enquanto o sangue jorrava de suas veias cortadas. Mas como se não bastasse, a assassina adolescente pegou a faca com as duas mãos e golpeou a menina diversas vezes, apenas acelerando a morte certa e mostrando toda sua crueldade.

Mas tudo aquilo não havia sido um ataque passional, pois Alyssa já vinha planejando há muito tempo a morte de sua pequena vizinha de nove anos, por isso depois de se deleitar matando a menina, ela levou o corpo até um local, próximo aos fundos de sua casa, e enterrou a pequena em uma cova feita anteriormente.


Quando às sete horas da noite chegaram, os pais de Elizabeth, que sempre entrava cedo para casa, começaram a busca por sua filha, porém sem sucesso. Logo a Polícia local estava envolvida em uma busca gigantesca que durou duas semanas, pois só surgiram as primeiras pistas quando começaram a interrogar os vizinhos e logo falaram com Alyssa, aí sim o crime começou a ser descoberto.

Logo a assassina foi acusada de seu crime e uma das provas usadas contra ela foi um diário, onde ela havia escrito: “Eu a estrangulei, cortei a garganta e a esfaqueei, então agora ela está morta. Eu não sei como estou me sentindo. Foi incrível. Logo que passa a sensação de ‘oh, meu Deus, eu não posso fazer isso’, é realmente prazeroso. Agora estou nervosa e tremendo. Tenho que ir para a igreja agora… LOL”.


Tudo isso somado com a confissão fez com que Alyssa fosse julgada como adulta. Ela acabou recebendo uma pena de prisão perpétua, apesar de seus advogados terem alegados que ela tinha problemas em casa e tomava alguns remédios.

No fim de seu julgamento, poucos antes de sua sentença sair, Alyssa se virou para os pais de Elizabeth e disse: “Eu sei que palavras nunca vão ser suficientes e nunca vão conseguir descrever exatamente quanto me sinto horrível por tudo isso. Se eu pudesse dar minha vida para ter ela de volta, eu daria. Desculpa”.
Leia Mais

01/05/2014

A Maldição de Batman


Não é de hoje que o personagem Batman está cercado por uma aura maldita. Desde o lançamento de "O Cavaleiro das Trevas" de 2008. Acidentes com o ator Morgan Freeman, morte de técnicos, e a prórpia prisão do "esquentadinho" Christian Bale já deixarma em alerta os teóricos de conspirações. Mas a coisa até então só ficou pior após a morte por overdose do Coringa do ator Heath Ledger. 
Com relação ao ator australiano Ledger, houveram vários boatos sobre o estado mental deplorável dele após ter aceitado o convite para viver o vilão no segundo filme de Christopher Nolan.
Mas, após a tragédia do lançamento do filme que fecha a triologia, "“Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge"; onde um ex-estudante de medicina psiquiátrica, se dizendo ser o Coringa, entra atirando e mata várias pessoas em uma seção de estreia do filme. O atirador tinha até pintado os cabelos das cores do Coringa do ator falecido.
Mas, o que mais impressiona, é que em HQ do Batman de 1986, há uma história sobre um atirador que mata tres pressoas num cinema.
Na graphic novel "Cavaleiro das Trevas" ("The Dark Knight Returns"), de Frank Miller, publicada em 1986, há uma cena em que um homem invade uma sessão de cinema atirando.
Na publicação, o atirador Arnold Crimp entra em um cinema adulto durante a exibição de um filme pornô inspirado no Batman e mata três pessoas, depois de ouvir repetidas vezes a música “Stairway to Heaven”, do Led Zeppelin.
Na cena, o homem chega ao cinema vestindo uma capa comprida, com as mãos nos bolsos, passa pela bilheteria e entra na sala para atirar na plateia.
A seguir, os eventos relativos à lenda urbana da possívle maldição de Batman:
2008 – O técnico de efeitos especiais Conway Wickliffe morreu durante a filmagem de uma perseguição. Ele operava uma câmera na parte traseira de uma caminhonete que não conseguiu fazer uma curva e se chocou contra uma árvore.
2008 – Após uma brilhante e assustadora interpretação do Coringa em “Batman: O Cavaleiro das Trevas”, o ator Heath Ledger foi encontrado morto em seu apartamento em Nova York devido a uma overdose de remédios. O filme estreou após sua morte.
2008 – O ator Morgan Freeman, na época com 71 anos, sofreu um acidente sério de carro em agosto, quebrando o seu braço e ombro. Freeman dirigia perto de sua casa em Charleston, Mississippi quando seu carro capotou seguidamente e ele precisou ser retirado por bombeiros das ferragens.
2008 – No dia da estreia Londrina de “Batman: O Cavaleiro das Trevas”, Christian Bale foi detido por cerca de quatro horas e acusado de agredir sua mãe e sua irmã. Segundo a polícia, a agressão foi “verbal” e o ator foi liberado.
2011 – Um extra morreu próximo ao set de “Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge” depois de uma gravação com centenas de coadjuvantes em Wall Street. Ele estava em uma pausa nas filmagens quando teve um ataque cardíaco e foi encontrado já inconsciente. Ele foi levado a um hospital, mas não resistiu.
2011 – A produção de “O Cavaleiro das Trevas Ressurge” foi marcada por dois acidentes automobilísticos. Durante gravações em Pittsburgh, o Batwing bateu enquanto perseguia outros veículos. Na mesma semana, uma dublê de Anne Hathaway bateu com uma moto contra equipamentos de filmagem. O equipamento foi destruído, mas ninguém ficou ferido em ambos os incidentes.
2012 – Um atirador invade uma sessão de “Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge” em Aurora, no Colorado, mata 12 pessoas e fere cerca de 60.
E o desfecho desta tragédia ainda não parou: o atirador pode ser condenado à morte, conforme este link: http://www.tvi24.iol.pt/internacional/batman-aurora-cinema-massacre-james-holmes-tvi24/1363254-4073.html
Leia Mais

© Dállia Negra - 2016 | Template feito por: Adorável Design | Imagens de ícones e imagem do cabeçalho por: Jaque Design