Seres Míticos

[Seres Míticos][bleft]

Lendas

[Lendas][bsummary]

Personagens Ocultistas

[Personagens Ocultistas][twocolumns]

Mistérios e maldições que cercaram a vida e a morte de Bruce Lee


Bruce Lee foi e é um dos maiores ícones do cinema e das artes marciais. Há tantas referências que fazem menção a sua figura e suas obras, que fica impossível medir o tamanho de sua influência em todos os cantos do mundo oriental e ocidental. Exatamente por isso, sua vida é cercada por inúmeros mistérios, mitos e teorias da conspiração cercando sua morte. Claro, muita coisa é verdade, por mais absurda que veja. Mas, alguns “fatos” são complicados de serem atestados. Confira algumas verdades, e “verdades”, sobre o mestre:
– Jackie Chan começou sua carreira como dublê dos filmes de Lee
– O uso do nunchaku em seus filmes gerou críticas da imprensa por esta arma ser de uso proibido em muitos estados norte-americanos e outros países do mundo
– Uma de suas pernas era mais curta que a outra e ele era míope, tendo que usar lentes de contato em seus filmes
– Em 1970, levantando pesos sem aquecimento, ele feriu o quarto nervo sacro permanentemente. Os médicos disseram que ele nunca mais poderia chutar, mas ele duvidou e venceu o problema, apesar de ficar com dor crônica nas costas pelo resto da vida
– Esse problema nas costas o deixou seis meses em repouso. Ele aproveitou para ler e fazer anotações, que depois foram condensadas no livro “O Tao do Jeet Kune Do” por sua mulher, Linda, após a sua morte
– Tiveram que suspender a exibição de “A Fúria do Dragão” por uma semana para que pudessem organizar o trânsito na cidade, tal o caos que os fãs dele criavam ao tentar ver o filme
– Na falta de mulheres para atuar em “Operação Dragão”, o diretor Robert Clause contratou algumas garotas de programa de Hong Kong
– As cenas de funeral em que seu personagem forja seu assassinato em “Jogo da Morte” são reais. O cara no caixão é mesmo Bruce Lee e o povo nas ruas, são seus fãs, prestando a última homenagem. Grande parte desse filme foi feita com um dublê.
– A morte de Lee é cheia de mistérios. Mas, muitos médicos importantes foram chamados para a autópsia e confirmaram a mesma situação: o comprimido das dores de cabeça teve uma reação inesperada com medicamentos de um tratamento que ele fazia por conta, o que lhe provocou uma embolia cerebral. Coisa que acontece uma em cada um milhão. Porém, há uma história estranha sobre Lee e a máfia chinesa e, há quem diga que sua morte está ligada a essa questão.
– Seu filho, Brandon, morreu de forma trágica no set de filmagem de “O Corvo”, quando foi atingido por uma bala de verdade ao invés de um disparo de festim.
Chamem de maldições, segredos ou boatos, as histórias sobre Bruce Lee fazem parte do inconsciente coletivo e o elevam a um status além de simples ser humano ou grande ídolo. O tornam uma lenda, dono de uma imagem e aura imortais.




http://www.macacovelho.com.br/

Nenhum comentário: